Unimed Sustentável
Principal » Notícias » Saúde  |   Notícia publicada em 08/09/16 às 17:02

Saúde dos seus olhos

Em alguns casos pode ser difícil eliminar por completo a rivalidade e o ciúme, mas com esforço concentrado é possível reduzir esses sentimentos e harmonizar a relação

Saúde dos seus olhos

Enquanto muitas crianças consideram o irmão como seu melhor amigo, é comum ouvir pais relatarem sobre filhos que costumam sentir muito ciúme um do outro e, consequentemente, brigam com frequência. Essa “rivalidade” pode começar antes da segunda criança nascer e permanecer ao longo do crescimento, competindo por diversos motivos, inclusive pela atenção dos pais. Costuma ser frustrante e perturbador assistir as brigas dos filhos entre si.  Pode ser difícil também saber como parar os combates e se é preciso interferir em tudo.

 

Se você presenciar brigas constantes e às vezes se sente mais um árbitro do que pai ou mãe, é possível colocar em prática medidas para promover a paz em casa e ajudar os filhos a conviver harmoniosamente. Abaixo separamos algumas formas de gerenciar de maneira construtiva o ciúme e a rivalidade entre irmãos:

 

 

 
• Trate as crianças de forma igualitária.Avalie as mais diversas situações e observe se você costuma favorecer um ou outro. Seja justo certificando-se de que cada criança recebe parcela semelhante de privilégios e tarefas. 
 
• Dê também atenção individual para cada uma das crianças. Agende programas separadamente para que você consiga interagir de forma individual com cada um deles. 
 
 
• Concentre-se nos pontos fortes de cada uma das crianças. Embora com determinado filho possa ser mais fácil de lidar do que com o outro, não faça comparações, uma vez que isso pode gerar frustração e maior concorrência. 
 
 
• Não coloque muita ênfase em descobrir qual criança iniciou o conflito. Afinal, “quando um não quer, dois não brigam”, isso quer dizer que qualquer um dos envolvidos é parcialmente responsável. 
 
• Oriente as crianças durante as emoções difíceis, converse sobre o quanto alimentar sentimentos de raiva, inveja e ressentimento pode fazer mal. 
 
 
• Ensine seus filhos a administrar conflitos sem que você esteja presente, com isso eles aprendem habilidades importantes que podem ser úteis ao longo da vida - compreender a perspectiva de outra pessoa, saber negociar e aprender a controlar impulsos agressivos. 

• Elogie seus filhos quando eles estão brincando juntos. Sua observação positiva pode incentivá-los a ficar mais próximos e a querer o bem um do outro.
 

 

 

 

 



Fonte: Fonte: Victoria State Government – Better Health Channel / Kids Health
Avenida Transcontinental, 1019 - Centro - Ji-Paraná - Fone: (69) 3411-3800Desenvolvimento de Websites